As barras de aço, mais conhecidas como vergalhões da construção, são amarradas umas às outras com arame recozido.

Juntos, arames e vergalhões formam as armações, que dão estrutura e firmeza às peças de concreto. Nunca se esqueça de se precaver: sinalize e isole o local de movimentação, faça tudo pela segurança.



As formas de metal ou madeira são fundamentais para uma obra segura, e não podem romper nunca. São importantes porque possuem fácil manuseio, suportam pequenas deformações, não grudam e não alteram as características do concreto.

Um profissional habilitado é responsável por fazer o projeto e acompanhar a instalação. Todos da equipe devem saber como construir e operar as formas. Para garantir proteção, os equipamentos devem ser completos, com capacete, botas, cinturão do tipo paraquedista, luvas de couro e óculos.



A serra circular usada na construção é composta por uma mesa lisa, firme, com abertura para a lâmina e um motor elétrico. Conforme a madeira utilizada, os tamanhos dos dentes e discos podem variar.

Para operá-la, o trabalhador tem que ser qualificado e usar todos os equipamentos certos de proteção individual (EPIs).



O cimbramento garante a sustentação da estrutura das obras: vigas, lajes, pilastras. Os suportes, também conhecidos como escoramentos, fixam as formas até o concreto secar, e asseguram a circulação dos operários sem riscos de desabamento.



Na terceira e última parte das dicas sobre plataformas aéreas, entenda a importância de fazer a inspeção visual diariamente e como manobrar o equipamento dentro do canteiro de obras.



Para operar a plataforma aérea, é preciso conhecer mais alguns detalhes. Só trabalhador qualificado pode fazer instalação, manutenção e inspeção diária. Um profissional legalmente habilitado supervisiona toda a equipe.



Todos conhecem um carrinho de mão. Eles se parecem um com o outro. Uma rodinha de pneu, a caçamba e duas barras onde segurá-lo. Pode haver apenas uma grande diferença. 

O jeito que cada um executa um trabalho com segurança. 

As pessoas que utilizam os carrinhos de mão os conhecem muito bem e sabem quais os trabalhos que podem executar.



Compartilho este artigo técnico com todos os que buscam a excelência na prevenção dos infortúnios laborais. São poucaspáginas, mas contêm um extenso trabalho de leitura bibliográfica, experiência de campo na avaliação dos motoristas de caminhões-tanque, e reflexão sobre o momento prevencionista no Brasil.

O achismo tudo sabe. Não tem dúvidas. É autoconfiante. Arrogante. Teimoso. Tira suas próprias conclusões. Não deve satisfações. Não dá ouvido a ninguém. Vive de aparências. O achismo é cego. O achismo seduz, envolve. Engana. Cria suas próprias leis. Não tem fundamento, ética. Julga. Condena. Destrói. Se alimenta da preguiça. Da presunção. Da ignorância. Da ingenuidade. O achismo é parasita. O achismo rima até com jornalismo. Tá sempre na TV. Nos jornais. Na rádio. Na web. Tá na boca dos repórteres. No texto dos repórteres. O achismo é altamente transmissível. O achismo é inimigo do fato. Da boa apuração. Do checar informação. Adora fofoca. Boato. Diz-que-diz. Aceita meia gravidez. O talvez. O é e não é. O achismo detesta compromisso. O achismo se acha.



Esta publicação com os “Destaques das Diretrizes” resume os principais pontos de discussão e alterações feitas na Atualização das Diretrizes de 2015 da American Heart Association (AHA) para Ressuscitação Cardiopulmonar (RCP) e Atendimento Cardiovascular de Emergência (ACE). Ela foi desenvolvida para que os profissionais que executam a ressuscitação e os instrutores da AHA possam focar na ciência da ressuscitação e nas recomendações MAIS importantes das diretrizes, ou controversas ou que resultem em mudanças na prática ou treinamento da ressuscitação. Além disso, explica o raciocínio adotado nas recomendações.



Esta publicação apresenta os requisitos essenciais para a elaboração de um Programa de Proteção Respiratória. Contém informações acerca de riscos respiratórios, procedimento de seleção do respirador, treinamento dos atores envolvidos, escolha do tamanho da peça facial que melhor veda o rosto e o seu uso correto.