Publicações

Vagas de Emprego

Links





Sangue é vida
Você pode
salvar muitas
delas


Leia mais...






Curta nossa página



DDS - Cuidados com a saúde: prevenção às drogas PDF Imprimir E-mail
DDS - Cuidados com a saúde: prevenção às drogas

Se o seu amigo usa drogas e você não fala nada, que droga de amigo é você?

Se você optou por não usar drogas, sorte sua. Mas se algum amigo seu tomou a decisão errada. a sorte dele pode depender de outras pessoas. Inclusive de você. Muitos jovens vêem seus melhores amigos indo em direção a um beco sem saída e não fazem nada para ajudá-los.

Na maioria das vezes esta passividade tem explicação: medo de ser careta. Careta mesmo é rotular as pessoas. Escolher não usar drogas significa que você tem auto-estima, segurança e gosta de viver.

É óbvio que não existe nada de errado em querer ajudar alguém de que você gosta. Raramente o drogado tem dificuldades de enxergar com clareza o tamanho da encrenca que se meteu. Dependendo da droga, o processo de desintoxicação pode ser muito doloroso. O tratamento é longo, caro e sempre existe o risco de uma recaída depois da recuperação. A falta de informação também é um dos motivos que levam as pessoas a experimentar drogas. Só quem sabe a extensão dos prejuízos que cada tipo de drama provoca no organismo pode pesar as conseqüências e decidir se vale a pena ou não correr este risco.

Cocaína e Crack:

Provocam a sensação de poder, euforia, perda da fome, do sono e do cansaço.
Em doses elevadas, causam aumento de temperatura, convulsões e aumento dos batimentos cardíacos, podendo resultar em paradas cardio-respiratórias, e colapso do sistema nervoso central. O
Crack provoca lesões cerebrais irreversíveis. É também uma das drogas de maior poder viciante, levando apenas 15 segundos para chegar ao cérebro e 15 minutos depois o usuário já sente a necessidade de inalar novamente a fumaça para fugir da crise de abstinência, desgaste físico, prostração e depressão profunda.

Ácido (LSD):

Causa alucinações, distorções perceptivas, fusão dos sentidos (o som parece adquirir forma). As reações dependem da personalidade e da sensibilidade de cada um. Em alguns casos podem ocorrer as "más viagens": ansiedade, pânico, mania de perseguição, sensação de deformação do próprio corpo e de morte iminente. Pode causar delírios, convulsões, dependência psicológica e morte.

Maconha:

Sensação de calma e relaxamento, vontade de rir. Produz dependência psicológica. O uso prolongado Pode afetar os pulmões, a memória e temporariamente a libido e a produção de óvulos e espermatozóides. Diminui a capacidade de concentração.
Fumar na adolescência , acarreta má performance na escola e diminui as possibilidades profissionais na vida.

"O uso de drogas lícitas (álcool, fumo) e ilícitas no ambiente de trabalho pode acarretar em acidentes pessoais das mais variadas formas, podendo ter conseqüências graves a todas as pessoas envolvidas no processa produtivo."


Fonte: Recebido por e-mail | Publicado em: 04/02/2013

Autor(es): Desconhecido
Tipo: DDS


Palavras-chave: DDS, SESMT, segurança do trabalho, proteção, álccol, drogas, saúde